Press "Enter" to skip to content

Novo portal listará riscos de mudanças nos planos de saúde propostas por empresas

O Globo relata que, uma semana após o lançamento do manifesto contra propostas das operadoras de oferecer planos de saúde modulares , com cobertura restrita – assinado por 30 entidades – a Associação Paulista de Medicina lança, nesta quarta-feira, a Frente Contra os Ataques de Planos de Saúde. Trata-se de um portal que tem como objetivo receber denúncias, informar os riscos das mudanças a pacientes, profissionais médicos e órgãos de defesa do consumidor e angariar adesões para o movimento contra as alterações da lei do setor, a 9.658.

Na página do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor ( Idec ) – uma das entidades que se manifestaram contra a mudança – há ainda uma petição on-line “Saúde só por inteiro! “, que será encaminhada a parlamentares, gestores públicos, entidades médicas entre outras organizações pedindo para que se posicionem contrariamente às mudanças. Quem quiser participar pode clicar aqui e preencher o formulário da petição.

– A principal preocupação da Associação Paulista de Medicina é com as limitações que serão impostas aos médicos para indicação de exames, procedimentos terapêuticos. Se durante a investigação ele detectar uma doença que esteja excluída do plano de saúde, terá de encaminhar esse paciente ao SUS. Essa é uma situação muito desconfortável, porque o médico tem um compromisso com o paciente e esse compromisso passa a ser fortemente prejudicado se aprovada uma legislação que permita a exclusão de procedimentos e doenças – ressalta Florisval Meinão, diretor administrativo da Associação Paulista de Medicina.

Please follow and like us:

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial