Press "Enter" to skip to content

PFJ Assessoria e Corretora de Seguros dá dicas de como obter informações detalhadas sobre uma operadora de saúde

ANS disponibiliza os detalhes para que seja feita a melhor escolha 

Com a grande variedade de planos, coberturas, tarifas e adicionais oferecidos, é essencial ter conhecimento no que se refere ao que uma operadora oferece, antes de efetuar a contratação. Para pesquisar e comparar o que cada plano ou seguradora proporciona o que cada um oferece, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) oferece de forma gratuita uma série de conhecimentos para ser feita a melhor escolha. Essa definição pode ser baseada na maneira na qual cada operadora e até mesmo as seguradoras operam. 

De acordo com um dos Sócios da PFJ Assessoria e Corretora de Seguros, Fabio Souza, é preciso dar referências ao cliente, como uma forma de flexibilizar a negociação e auxilia-lo a obter o melhor plano ou seguro, de acordo com as suas necessidades. “Além de termos a preocupação em proporcionar o melhor não só para os nossos consultores no que diz respeito à informação precisa, priorizamos também a transparência na hora de prestar a consultoria aos nossos clientes. Com esse objetivo, organizamos esse guia com dicas para que os detalhes do plano de saúde sejam avaliados de forma concisa na hora da escolha por uma operadora. Essa relação clara na hora de negociar faz parte dos nossos valores na empresa”, explicou. 

Confira a relação que a PFJ Assessoria e Corretora de Seguros preparou para auxiliar na hora de escolher um plano de saúde: 

1) Consulte o ranking das operadoras que a ANS disponibiliza anualmente baseado em aspectos econômicos, operacionais e de qualidade; 

2) Observe a avaliação dos planos segundos os clientes;

3) Confira o posicionamento da operadora que pretende contratar no índice de reclamações; 

4) Visualize se a operadora que possui preferência na contratação, se não é uma das que está sob intervenção do governo, por estar com problemas nas finanças ou processo de falência; 

5) Uma operadora em condição financeira saudável pode estar em dia com o SUS. Verifique se a empresa que pretende contratar é uma boa pagadora; 

6) A ANS anuncia a cada três meses uma lista de planos que foram suspensos, por não cumprir prazos no atendimento. Fique atento e verifique no site da agência se o plano não está sendo comercializado ilegalmente; 

7) Faça uma pesquisa para avaliar se a rede credenciada é de qualidade. O ideal é não se basear pela quantidade, mas pela qualidade dos hospitais e clínicas oferecidas;  

8) Consulte a cobertura das regiões oferecidas pelo plano. Se você é uma pessoa que viaja muito, avalie se a cobertura condiz com os locais onde existe maior possibilidade de acionar; 

9) Informe-se a respeito dos mecanismos básicos do plano escolhido. Qual a rotina para acessar os serviços oferecidos? É necessária autorização prévia para um determinado procedimento? Quais são os critérios para reembolso? 

10) Leia o contrato de forma atenta e tire todas as dúvidas antes de assiná-lo. 


Be First to Comment

Deixe uma resposta

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial