Press "Enter" to skip to content

2021: o ano em que a tecnologia irá cuidar da sua saúde

*Por Rogério Pires, diretor do segmento de Healthcare da TOTVS

A saúde foi a grande protagonista de 2020. Não da forma que gostaríamos, mas passamos a perceber o quanto é importante cuidar de nós e dos outros com pequenas atitudes que podem salvar vidas. Em um momento em que a proliferação de um vírus exigiu o distanciamento social, a tecnologia chamou para si a responsabilidade de substituir a presença física sempre que necessário – e em muitos casos, até quando não parecia ser possível. Na área da saúde isso foi primordial e culminou no avanço significativo de soluções tecnológicas para suprir as demandas – o teleatendimento médico é um exemplo de como esse movimento aconteceu na prática.

E depois de tudo o que vivemos neste ano, é mais do que certo dizer que 2021 será o ano em que a tecnologia irá cuidar da sua saúde. Até que a vacina contra o vírus da COVID-19 chegue a todos, e mesmo depois disso, a digitalização é um caminho sem volta e necessário. Em todas as áreas da saúde, o uso avançado da tecnologia será vital para que os serviços médicos aconteçam da melhor maneira. A seguir, alguns exemplos de como a tecnologia vai mudar ainda mais o mercado de saúde em 2021:

Consultas sem sair de casa: Em 2021 você provavelmente fará uma consulta online. A telemedicina deixou de ser tendência e virou realidade desde a publicação da Portaria nº 467, em 20 de março de 2020, e certamente veio para ficar. Tanto a comunidade médica como as empresas do setor já compreenderam que as teleconsultas médicas são essenciais e eficazes, têm um custo menor e uma agilidade maior. Por isso, já existem soluções que oferecem a opção do atendimento remoto na hora do agendamento da consulta, gerando e enviando automaticamente o link do teleatendimento para o paciente. Maior facilidade para quem presta o serviço e para quem contrata o atendimento.

A Inteligência Artificial será usada sem que ninguém perceba: Você já é e será ainda mais assistido pela Inteligência Artificial, ainda que não perceba. Uma prova disso são as soluções criadas para auxiliar operadoras de planos de saúde na análise e aprovação de procedimentos e cirurgias de forma automática. A partir do cruzamento de dados do paciente, o sistema atribui aprovações e probabilidades de rejeição a cada solicitação com muita precisão, auxiliando na redução de custos de processos operacionais, no aumento da eficiência do serviço e na detecção de possíveis fraudes, gerando um impacto direto na produtividade das operadoras. Além disso, a Inteligência Artificial já é amplamente utilizada no auxílio de exames radiológicos para identificação de doenças e tumores, bem como no atendimento a pacientes com uso de chatbots e processos automatizados.

Alternativas de financiamento eletrônico para quem não tem plano de saúde: O avanço da tecnologia vai beneficiar inclusive quem não possui um plano de saúde. Vemos no setor uma tendência de crescimento de soluções que oferecem financiamento para pacientes que precisam realizar um procedimento cirúrgico. Isso facilita o pagamento da eventualidade médica, ainda mais quando o paciente não possui um plano de saúde. Hoje já existem aplicativos que disponibilizam este tipo de financiamento e possuem parcerias com clínicas, hospitais e redes bancárias. Isso é um processo de universalização da saúde.

O ano das HealthTechs – Uma tendência clara que observamos para 2021 é a consolidação ainda mais evidente de empresas de tecnologia voltadas para o segmento de saúde. De acordo com a pesquisa HealthTech Report Brasil 2020, realizada pela Distrito, o número de HealthTechs brasileiras duplicou nos últimos cinco anos, com US﹩ 430 milhões investidos no segmento desde 2014. São empresas que atuam com soluções que vão desde elaboração de escalas de plantão, como também soluções de atendimento automatizado (chatbots), sistemas de diagnóstico por Inteligência Artificial, até mesmo empréstimos para a realização de procedimentos médicos. Certamente, as HealthTechs são mais um sinal de que a tecnologia facilitará cada vez mais o acesso a serviços de saúde no Brasil.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial